Posts marcados ‘Thor Hushovd’

Tour de France – 13ª Etapa: Thor Hushovd faz o impossível e vence a etapa da montanha!

A inacreditável vitória de Hushovd!

Thor Hushovd, o atual Campeão Mundial de Ciclismo na categoria estrada, conseguiu um feito que para todos era impossível de ser atingido, um sprinter vencer uma etapa de montanha no Tour. Ele não só venceu, mas venceu de uma forma incrível, para não dar espaço para ninguém falar nada!

A fuga e a fuga

Logo no começo da etapa uma fuga de dez ciclistas se formou, Hushovd era um dos integrantes. Os escapados chegaram no pé da grande montanha do dia, o Aubisque, com 6:00 de vantagem sobre o pelotão. Logo no início da montanha Hushovd já começou o caminho para o impossível, ele atacou a fuga e escapou de seus companheiros.

Outros dois ciclistas da fuga saíram em perseguição ao Hushovd, deixando o resto da fuga para trás. Jeremy Roy e David Moncoutie chegaram e deixaram Hushovd para trás. Roy chegou no topo da montanha 0:45 na frente de Moncoutie e 2:00 na frente de Thor.

A descida a busca e a martelada do Thor

Na descida, Hushovd alcançou Moncoutie e os dois foram em perseguição a Roy. Hushovd fez a maior parte do trabalho, Moncoutie parecia cansado e aparentemente não queria ajudar muito Thor, para ter alguma chance na chegada.

Faltando 3 km para o final os dois perseguidores estavam a 10 segundo de Roy, foi quando Thor atacou, deixou seu parceiro para trás e buscou o líder. Foi quando ele fez mais uma coisa inacreditável! Quando todos achavam que ele iria para a chegada contra os dois adiversários, Thor surpreendeu todo mundo e atacou faltando 2km e não deu chance para ninguém, chegou em primeiro alguns segundos a frente de Moncoutie e Roy e 9:00 na frente do pelotão! Uma vitória de tirar o chapéu, ou capacete…

Classificação Geral: Como os integrantes da fuga estavam muito atrás na CG, não houve nenhuma mudança significativa na disputa pela Camisa Amarela.

Mais um abandono

Andreas Kloden, da Radio Schack não conseguiu superar as dores nas costas que estava sentindo, devido as várias quedas que sofreu e acabou abandonando a competição. Só sobraram 4 ciclistas da Radio Schack no Tour. O vídeo abaixo mostra o momento do abandono.

Vídeo do final da etapa

Resultados

Etapa

  • 1. Thor Hushovd (Garmin-Cervelo)
  • 2. David Moncouti (Cofidis)
  • 3. Jeremy Roy (FdJ)

Classificação Geral

  • 1. Thomas Voeckler, Team Europcar, in 55h 49′ 57″
  • 2. Frank Schleck, Team Leopard-Trek, at 1:49
  • 3. Cadel Evans, Bmc Racing Team, at 02:06
  • 4. Andy Schleck, Team Leopard-Trek, at 02:17
  • 5. Ivan Basso, Liquigas-Cannondale, at 03:16
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 13ª etapa
  • Informações sobre a 14ª Etapa

Tour de France – Resultados da 11ª Etapa: Cavendish deu o troco! E levou a Camisa Verde

Ganhou a etapa e a Camisa Verde

Em uma etapa com muita chuva e uma chegada bem perigosa, Mark Cavendish deu na cabeça de todo mundo! Ele colocou duas bicicletas de vantagem sobre André Greipel, que venceu a chegada sobre ele na etapa de ontem. Com a vitória de hoje, Cavendish é o novo Camisa Verde.

O desenrolar da etapa

Em uma etapa de 168km na sua maioria plana, mas com duas subidas, uma de categoria 3 e outra de categoria 4. A fuga hoje demorou um pouco mais do que o de costume para se formar. Com 17km Tristan Valentin (Cofidis); Mickaël Delage (Fdj); Lars Boom (Rabobank); Andriy Grivko (Astana); Jimmy Engoulvent (Saur-Sojasun) e Ruben Perez (Euskaltel-Euskadi) saíram em uma fuga e só foram pegos faltando 3km para o final da etapa.

Faltando 15km para o final, a chuva começou a ficar muito forte. A Garmin e a HTC estavam na frente do pelotão, comandando a busca dos escapados. Quando a fuga foi pega, as equipes já estavam completamente armadas para o sprint. A HTC perdeu por alguns momentos a liderança da embalada e a Garmin começou a embalar. Na última curva, um atleta da Sky tomou a ponta e Mark Renshaw, o embalador de Cavendish, pulou em sua roda. 

O Sprint

Debaixo de muita chuva, Cavendish saiu da roda de Ranshaw e arrancou faltando 150 metros para o final, com Tyler Farrar (Garmin) e André Greipel (Omega Pharma-Lotto) em sua roda. Mas não teve pra ninguém! O baixinho britânico venceu com facilidade o sprint. Com os pontos adquiridos na vitória ele superou Joaquim Rojas(MovieStar) e Philippe Gilbert (Pharma-Lotto), que eram os dois primeiros na Classificação por Pontos.

Não houveram mudanças significativas na Classificação Geral.

Vídeo da chegada

Resultados

Etapa

  • 1. Mark Cavendish, Htc – Highroad, in 3h 46′ 07
  • 2. André Greipel, Omega Pharma – Lotto, at s.t.
  • 3. Tyler Farrar, Team Garmin – Cervelo, at s.t.
  • 4. Denis Galimzyanov, Katusha Team, at s.t.
  • 5. Boasson Hagen Edvald, Sky Procycling, at s.t.

Classificação Geral

  • 1. Thomas Voeckler, Team Europcar, in 45h 52′ 39
  • 2. Luis-leon Sanchez, Rabobank Cycling Team, at 1:49
  • 3. Cadel Evans, Bmc Racing Team, at at 02:26
  • 4. Frank Schleck, Team Leopard-Trek, at at 02:29
  • 5. Andy Schleck, Team Leopard-Trek, at at 02:37
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 11ª etapa
  • Informações sobre a 12ª Etapa

Tour de France – Resultados da 10ª Etapa: Cavendish não aguenta e Greipel vence!

Mais uma queda… e depois uma fuga

No início da etapa, uma queda derrubou vários ciclistas, incluindo Fabian Cancellara, Levi Leipheimer, Robert Gesink e Christian Vande Velde, nenhum deles se machucou e logo seguiram viagem.

Logo após a queda, seis atletas formaram a fuga do dia: Rémy Di Gregorio (Astana), Marco Marcato (Vacansoleil-DCM), Arthur Vichot (Fdj), Sébastien Minard (Ag2r) , Anthony Delaplace (Saur-Sojasun) e Julien El Fares (Cofidis). Os escapados chegaram a abrir 4 minutos do pelotão.

Faltando 50km para o final de etapa, a HTC e a BMC iniciaram o trabalho de busca da fuga. Faltando 42km a diferença era de 1:30 entre os escapados e o pelotão. Na subida do Côte de Mirandol-Bourgnounac, última subida do dia a fuga foi pega.

Mais uma fuga e a chegada

Assim que o pelotão chegou na fuga Gilbert atacou e abriu certa vantagem, Voeckler, Dries Devenyns, Tony Martin e Tony Gallopin se juntaram a ele e passaram no topo da subida 11 segundos na frente do pelotão.

Apesar do dia cheio de subidas, os sprinters conseguiram chegar no final de etapa junto com o grupo. A HTC garantiu que os 5 escapados não fossem longe e 5km para o final eles foram pegos pelo pelote. Daí então as equipes começaram a trabalhar para a chegada.

A HTC acabou se precipitando e deixou Cavendish sem embalador no último km. Um ciclista da Omega Pharma Lotto vinha embalando e Greipel estava colado na roda de Cavendish. Faltando 200 metros para a chegada Cavendish sprintou, mas aparentemente as subidas do dia foram demais para o britânico. André Greipel que vinha em sua roda acabou vencendo o sprint por meia bicicleta e Cavendish ficou em segundo.

nota da corrida: Johnny Hoogerland que acabou se embaraçando em uma cerca de arame farpado, após ser atropelado por um carro de imprensa na 9ª etapa e levou 33 pontos na região das pernas e nádegas, se recuperou, largou hoje e conseguiu manter a liderança na Camisa Braca com Bolinhas (Líder de Montanha)

Vídeo da chegada

Resultados

Etapa

  • 1. André Greipel, Omega Pharma – Lotto, in 3h 31′ 21
  • 2. Mark Cavendish, Htc – Highroad, at s.t.
  • 3. Joaquin Rojas Jose, Movistar Team, at s.t
  • 4. Thor Hushovd, Team Garmin – Cervelo, at s.t.
  • 5. Romain Feillu, Vacansoleil-Dcm, at s.t.
Classificação Geral
  • 1. Thomas Voeckler, Team Europcar, in 42h 06′ 32″
  • 2. Luis-leon Sanchez, Rabobank Cycling Team, at 01:49
  • 3. Cadel Evans, Bmc Racing Team, at 02:26
  • 4. Frank Schleck, Team Leopard-Trek, at 02:29
  • 5. Andy Schleck, Team Leopard-Trek, at 02:37
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 10ª etapa
  • Informações sobre a 11ª Etapa

Tour de France – Resultados da 9ª Etapa: A bruxa tá solta no Tour de France

Uma dia terrível para os ciclistas

A etapa de hoje foi marcada por quedas muito feias, abandonos e uma ato de irresponsabilidade de um carro da imprensa francesa.

Thomas Voeckler, que tem sido o atleta mais combativo do Tour, integrando fugas em praticamente todas as etapas, teve seu trabalho compensado na etapa de hoje. Ele e mais dois ciclistas chegaram escapados a quase quatro minutos do pelotão, dando a Voeckler a Camisa Amarela.

Os problemas do dia

O primeiro grande problema do dia foi uma grave queda a 100 km do final da etapa, onde os ciclistas caíram a mais de 70km por hora durante uma descida molhada. Alexander Vinokourov (Astana), Dave Zabriskie (Garmin-Cervélo), Jurgen Van den Broucke e Frederik Willems (Omega Pharma-Lotto), foram ao chão nessa queda.

Vinokourov foi o que levou a pior na queda, ele saiu da estrada e rolou barranco abaixo por dentro de uma mata. O ciclista da Astana está com uma provável fratura no fêmur. Dave Zabriskie teve o pulso quebrado. Van den Broucke deslocou o ombro.

A grande vergonha do dia foi o carro da imprensa francesa, que atropelou um ciclista da fuga faltando 22 km para o final da etapa. O carro atingiu Juan Antonio Flecha (Sky) e Johnny Hoogerland (Vacansoleil). Hoogerland acertou uma cerca de arame farpado. Apesar da gravidade da queda os dois ciclistas conseguiram seguir e terminar a etapa.

Andreas Klöden, Cadel Evans, David Millar, Christian Vande Velde e Alberto Contador também se envolveram em quedas durante a etapa mas continuaram na etapa.

Johnny Hoogerland após o atropelamento

A fuga vencedora.

A fuga que se formou após a primeira meta de montanha do dia e não foi mais alcançada. Faltando 20km para o final, a fuga ainda mantinha uma vantagem de 4:00 para o pelotão. O percurso com muitas subidas e a grave queda que aconteceu no começo da etapa dificultou o trabalho do pelotão, que chegou 3:59 atrás da fuga.

A fuga que inicialmente tinha cinco ciclistas, após o atropelamento, terminou só com três atletas. Luis-Leon Sanchez foi o vencedor da etapa e Thomas Voeckler conseguiu ficar com a liderança da competição e é o novo Camisa Amarela.

Resultados

Etapa

  • 1. Luis-Leon Sanchez, Rabobank
  • 2. Thomas Voeckler, Team Europcar, at 0:05
  • 3. Sandy Casar, Fdj, at 0:13
  • 4. Philippe Gilbert, Omega Pharma-Lotto, at 3:59
  • 5. Peter Velits, HTC-Highroad, at 3:59
Classificação Geral
  • 1. Thomas Voeckler, Team Europcar
  • 2. Luis-leon Sanchez, Rabobank Cycling Team, at 1:46
  • 3. Cadel Evans, BMC Racing Team, at 2:26
  • 4. Frank Schleck, Team Leopard-Trek, at 2:29
  • 5. Andy Schleck, Team Leopard-Trek, at 2:37
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 9ª etapa
  • Informações sobre a 10ª Etapa

Tour de France – Resultados da 8ª Etapa: Da Costa vence e Hushovd consegue segurar a liderança

Foto: Graham Watson

As primeiras montanhas do Tour

Hoje tivemos as primeiras subidas com um grau de dificuldade um pouco maior. Foi a primeira etapa de 2011 com uma subida de categoria 2. O vencedor da Etapa de hoje, Faria da Costa (Moviestar), foi o único sobrevivente de uma fuga que saiu com 8 km de prova.

Nove ciclistas faziam parte da fuga, incluindo Van Garden (HTC) e Da Costa. Os escapados chegaram a abrir 5 minutos de vantagem. O pelotão, comandado pela BMC, equipe de Cadel Evans, que é o segundo colocado na Classificação Geral, passou a perseguir os escapados e ir aos poucos diminuindo a vantagem.

O único sobrevivente!

No Col de la Croix Saint-Robert, a subida mais difícil do dia, a fuga começou a se despedaçar. Os ciclistas escapados começaram a atacar a fuga e esta começou a perder integrantes. Faltando 5km para o final somente Da Costa havia sobrevivido a pancadaria que virou a fuga.

Apesar dos esforços do pelotão eles não conseguiram chegar em Da Costa que chegou 12 segundos na frente do pelote. Faltando 3km, Contador, Andy Schleck e Gilbert atacaram o pelotão para tentar ganhar algum tempo, mas o grupo reagiu, Gilbert conseguiu se manter ligeiramente a frente do pelotão e descolou um segundo lugar na etapa, abrindo uma pequena vantagem de 3 segundos sobre o grupo.

Thor continua firme na amarelinha…

O que ninguém esperava hoje, era que o Campeão Mundial Thor Hushovd, atual Camisa Amarela, que supostamente é um sprinter (ou seja, não sobe nada!), conseguisse manter a liderança. A aposta era que Cadel Evans (BMC) assumisse a liderança. Porém, o rei do trovão conseguiu mais uma vez surpreender todo mundo e manteve a Camisa Amarela.

Vídeos

Resultados

Etapa

  • 1. Faria Da Costa Rui Alberto, Movistar
  • 2. Philippe Gilbert, Omega Pharma-Lotto, at 0:12
  • 3. Cadel Evans, BMC Racing Team, at 0:15
  • 4. Samuel Sanchez, Euskaltel-Euskadi, at 0:15
  • 5. Peter Velits, HTC- Highroad, at 0:15
Classificação Geral
  • 1. Thor Hushovd, Garmin-Cervélo
  • 2. Cadel Evans, BMC Racing Team, at 0:01
  • 3. Frank Schleck, Leopard-Trek, at 0:04
  • 4. Andréas Klöden, RadioShack, at 0:10
  • 5. Jakob Fuglsang, Leopard-Trek, at 0:12
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 8ª etapa
  • Informações sobre a 9ª Etapa

Tour de France – Resultados da 7ª Etapa: Não tem pra ninguém! Cavendish vence a chegada!

Devagar, quase parando…

A etapa de hoje foi marcada pela lentidão e uma queda horrorosa. Os ciclistas aproveitaram para descansar as pernas antes da começar as subidas amanhã. O pelotão andou boa parte do percurso com uma média de velocidade muito baixa, por volta de 35km/h. A previsão era que os ciclistas andassem no mínimo a 41km/h de média.

Com essa lentidão toda, a fuga do dia também não se esforçou muito. No primeiro km da etapa, Urtasun Perez, Delage, Meersman e Talabardon atacaram e abriram uma fuga. Porém não pareciam muito empenhados em fazer muita força, eles também estavam andando a cerca de 30-35km/h, com cerca de 4:30 de vantagem sobre o pelotão.

Uma queda feia bagunçou tudo!

Faltando 30 km para o final uma queda generalizada no pelotão acabou causando uma confusão enorme na etapa. Bradley Wiggins (Team Sky) quebrou a clavícula na queda e abandonou o Tour. Outra consequência da queda foi que vários sprinters perderam o pelotão da frente. Tyler Farrar, Francisco Ventoso, Boasson Hagen, Peter Sagan, e alguns outros não conseguiram ir para a chegada. Facilitando a vida de Cavendish.

A chegada

A fuga foi neutralizada faltando 12 km para o final e o pequeno pelotão que sobreviveu a queda partiu forte para a chegada. A HTC-Highroad fez uma trabalho incrível na embalada e Mark Cavendish venceu a chegada com facilidade sobre Alessandro Petacchi. Cavendish venceu nesta mesma cidade, Chateroux, a primeira vitória de sua carreira em uma etapa do Tour de France.

Nota da corrida: Tom Boonen não se sentiu bem no começo da etapa e abandonou o Tour de Franca

Vídeos

Resultados

Etapa

  • 1. Mark Cavendish, Htc – Highroad, in 5h 38′ 53″
  • 2. Alessandro Petacchi, Lampre – Isd, at
  • 3. André Greipel, Omega Pharma – Lotto, at 00:00
  • 4. Romain Feillu, Vacansoleil-Dcm, at s.t.
  • 5. William Bonnet, Fdj, at s.t.
Classificação Geral
  • 1. Thor Hushovd, Team Garmin – Cervelo, in28h 29′ 27″
  • 2. Cadel Evans, Bmc Racing Team, at 00:01
  • 3. Frank Schleck, Team Leopard-Trek, at 00:04
  • 4. David Millar, Team Garmin – Cervelo, at 00:08
  • 5. Andréas KlÖden, Team Radioshack, at 00:10
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 7ª etapa
  • Informações sobre a 8ª Etapa

Tour de France – Resultados da 6ª Etapa: Boasson Hagen leva a melhor!

Uma etapa longa e com muita chuva.

A etapa de hoje foi bastante parecida com a de ontem, muito sobe-e-desce, estradas estreitas e uma chegada com subidas próximas ao final. A diferença de hoje foi a distância, que foi de 227 km, bem maior do que a de ontem e a chuva torrencial de atingiu a Normandia.

Apesar da chuva forte de  hoje, não tivemos tombos como ontem. Somente no final da etapa, faltando 4km para o final, Levi Leipheimer, capitão da RadioSchack, perdeu o controle da bike e acabou caindo, mas rapidamente se levantou e seguiu para o final. O ciclista da Radioschack acabou levando 1:04 do pelotão, já que depois do tombo nã0 conseguiu se juntar ao grupo novamente.

Não deu para os sprinters

A fuga de hoje durou até 3km para o final da etapa. No início da etapa, 5 ciclistas saíram em uma fuga e andaram boa parte da etapa escapados, eles chegaram a abrir 11 minutos de vantagem. Aos poucos eles foram sendo sendo pegos e no final somente Adriano Malori da Lampre seguiu até perto do final.

O pelotão veio em um ritmo confortável para os sprinters até em perto do final. Dava até a impressão que a chegada seria compacta, porém 3km para o final tinha uma subida de 1,5km com uma boa inclinação. Nessa subida, os principais sprinters do dia não aguentaram o tranco e um grupo de uns 30 ciclistas foi para a chegada. 

No sprint, Boasson Hagen (Team Sky) de 24 anos, superou com facilidade o sprint e foi o vencedor do dia. Matt Goss (HTC-Highroad) fez um excelente sprint e passou centímetros na frente de Thor Hushovd (Garmin-Cervélo) faturando a 2ª colocação e Hushovd ficou com a 3ª posição.

Thor Hushovd conseguiu mais uma vez segurar a amarelinha e provavelmente ficará com ela até o final de semana, quando começam algumas montanhas.

Vídeos

Resultados

Etapa

  • 1. Edvald Boasson Hagen (Sky)
  • 2. Matthew Goss (HTC-Highroad)
  • 3. Thor Hushovd (Garmin-Cervelo)
Classificação Geral
  • 1. Thor Hushovd, Team Garmin – Cervelo 22:50:34
  • 2. Cadel Evans, Bmc Racing Team, at 0:01
  • 3. Frank Schleck, Team Leopard-Trek, at 00:04
  • 4. David Millar, Team Garmin – Cervelo, at 00:08
  • 5. Andréas KlÖden, Team Radioshack, at 00:10
Hoje mais tarde:
  • Fotos da 6ª etapa
  • Informações sobre a 7ª Etapa

Nuvem de tags