Posts marcados ‘Paris-Nice’

Paris-Nice – 7ª etapa, Remy Di Gregorio venceu.

Em uma dia cheio de quedas, Remy Di Gregorio (Astana) em um ataque solitário faltando 13Km, conseguiu manter-se a frente do pelotão e venceu a penúltima etapa do Paris-Nice.

Tony Martin, lider geral, chegou em 5º colocado e tem 36 segundos de vantagem sobre Andreas Kloden.

Último estágio

A belíssima última etapa do Paris-Nice começa e termina no Promenade des Anglais, o percurso de 124Km pelo litoral de Nice no Cote d’Azur. A etapa conta com uma subida de categoria 1, o Col d’Eze.

Resultados da Etapa

  • 1. Rémy Di Gregorio, Pro Team Astana, 5:46:23
  • 2. Samuel Sanchez, Euskaltel-Euskadi, at 00:05
  • 3. Rigoberto Uran, Sky Procycling, at 00:05
  • 4. Andréas Klöden, Team Radioshack, at 00:07
  • 5. Tony Martin, Htc-Highroad, at 00:07

Classificação Geral

  • 1. Tony Martin, Htc-Highroad, 30:46:17
  • 2. Andréas Klöden, Team Radioshack, at 00:36
  • 3. Bradley Wiggins, Sky Procycling, at 00:41
  • 4. Rein Taaramae, Cofidis Le Credit En Ligne, at 01:10
  • 5. Jean-Christophe Peraud, Ag2r La Mondiale, at 01:21
Anúncios

Paris-Nice – Tony Martin vence CRI e assume a liderança

Como era de se imaginar, Tony Martin arrebatou o Contra-Relógio individual e transformou sua desvantagem de 10 segundos em uma vantagem de 36 segundos sobre o segundo colocado.

Uma vantagem importante, uma vez que as próximas etapas têm subidas duríssimas.

7ª Etapa

Será a etapa mais longa, com 216Km entre Brignoles-Biot e Sophina Antipolis. Os ciclistas passarão por cinco subidas, sendo que duas delas de categoria 1. Não vai ser fácil!

Vejam o vídeo da 6ª etapa.

Paris-Nice – Andreas Kloden vence a 5ª etapa e assume a liderança da prova

A briga foi feia! O primeiro ataque do dia ocorreu no Col de la Croix de Chaubouret, a primeira subida categoria 1 do dia, quando alguns ciclistas, incluindo Sylvain Chavanel (Quick Step), Jean-Christophe Peraud (AG2R)e Roman Kreuziger (Astana) tentaram, sem sucesso, escapar do pelotão.

Quando a fuga foi alcançada, Dutchman Lieuwe Westra (Vacansoleil) atacou e uma nova fuga se iniciou, em seguida, cinco ciclistas saltaram na fuga: Arnold Jeannesson (FDJ), David Lopez-Garcia (Movistar), Hubert Dupont (AG2R), Christophe Le Mevel (Garmin-Cervelo) e Romain Hardy (Bretagne-Schuller). Os seis chegaram a abrir mais de 4 minutos do pelotão, porém a RadioShack e Rabobank iniciaram a caça aos escapados e os alcançaram próximos ao Col de Comberon.

Uma outra fuga saiu na descida do Comberon quando Arthur Vichot caiu e o pelotão se desorganizou. Mas ninguém estava de brincadeira e a fuga foi alcançada na base da última subida.

Só então a fuga vencedora apareceu. Na última subida, o Col de la Mure de categoria 1, oito ciclistas escaparam e não foram mais alcançados: Tony Martin (THR), Matteo Carrara (Vacansoleil), Xavier Tondo (Movistar), Robert Kiserlovski (Astana), Andreas Kloeden and Janez Brajkovic (both RadioShack), Rein Taaramae (Cofidis) e Samuel Sanchez (Euskaltel).

No final, quem levou a melhor na fuga foi Andreas Kloden, o vencedor dessa batalha incrível da 5ª etapa do Paris-Nice

A etapa de sexta-feira

Amanha será a etapa decisiva da prova, o Contra-relógio individual (CRI). A maior ameaça do dia é a fera do contra-relógio Tony Martin (HTC-Highroad), que está em quarto na colocação geral, a apenas 10 segundos do primeiro colocado Andreas Kloden. Martin pode facilmente tirar essa diferença na prova de CRI.

O percurso terá 27Km e será em Aix-en-Provence. A dificuldade do trajeto é o Côte de la Cride, que vai exigir um pouco mais do que força bruta dos ciclistas.

Segue o vídeo dos últimos quilômetros da 5ª etapa.

fotos: Graham Watson

Paris-Nice – Thomas Voeckler vence em dia de subidas

Com o belíssimo cenário das vinícolas de Beaujolais, a fuga de Voeckler e mais três ciclistas deixou para trás o pelotão e venceu quarta etapa do Paris-Nice.

No terreno montanhoso, ideal para ataques vingarem, Thomas Voeckler após uma série de investidas ajudou a formar a primeira fuga do dia. Quatro atletas o seguiram: De Gendt, Rémi Pauriol (FDJ), Remi Di Gregorio (Astana) e Francis De Greef (Omega-Lotto).

No alto do Cote de Propieres, com 56,5 Km de prova os cinco ciclistas já tinham uma vantagem de 4:50 min, na subida de categoria 3 do Col des Ecorbans, com 65 Km, a vantagem já estava em 5:15 min.

Faltando duas subidas para o final, a vantagem da fuga tinha caído para menos de dois minutos. O pelotão começou um esforço tremendo para buscar os escapados e faltando 10 Km a vantagem havia caído para 1 minuto. O ciclista De Greef não aguentou o ritmo e faltando 3Km para o final e voltou para o pelotão que estava a 27 segundos atrás e vindo rápido! Os ciclistas escapados cruzaram a linha de chegada com o pelotão “fungando” neles.

5º Etapa

A etapa de amanha promete bastante. O percurso entre Monts du Lyonnais e the Ardèche tem sete subidas, incluindo duas de categoria 1: Col de la Mure e o Vernoux-en-Vivarais.

Veja o vídeo da etapa!

10 Primeiros da Etapa

  • 1. Thomas Voeckler, Team Europcar, in 5:04:20″
  • 2. Rémi Pauriol, Fdj, at s.t.
  • 3. Thomas De Gendt, Vacansoleil-Dcm, at 00:00
  • 4. Rémy Di Gregorio, Pro Team Astana, at s.t.
  • 5. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at 00:13
  • 6. Peter Sagan, Liquigas-Cannondale, at 00:13
  • 7. Romain Feillu, Vacansoleil-Dcm, at 00:13
  • 8. Samuel Dumoulin, Cofidis Le Credit En Ligne, at 00:13
  • 9. Grega Bole, Lampre – Isd, at 00:13
  • 10. Danilo Wyss, BMC Racing Team, at 00:13

1o Primeiros – Classificação Geral

  • 1. Thomas De Gendt, Vacansoleil-Dcm, in 19:26: 46
  • 2. Thomas Voeckler, Team Europcar, at 00:10
  • 3. Rémi Pauriol, Fdj, at 00:16
  • 4. Harley Goss Matthew, HTC-Highroad, at 00:21
  • 5. Rémy Di Gregorio, Pro Team Astana, at 00:24
  • 6. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at 00:27
  • 7. Jérémy Roy, Fdj, at 00:30
  • 8. Tony Gallopin, Cofidis Le Credit En Ligne, at 00:31
  • 9. Cyril Gautier, Team Europcar, at 00:32
  • 10. Jens Voigt, Team Leopard-Trek, at 00:35

Fotos: Graham Watson

Paris-Nice 3º etapa – Matt Goss vence!

foto: velonews

Na terceira etapa do Paris-Nice, faltando menos de 500 metros para a chegada, Peter Sagan (Liquigas-Cannondale) acertou a cerca na última curva e veio ao chão. Matthew Goss, que estava atrás de Sagan, escapou milagrosamente da queda e venceu a etapa, quebra lavou a Camisa Amarela.

Amanhã (09) a etapa será entre Creches-sur-Saone e Belleville, um percurso de 191 Kms com muitas subidas, são três subidas de categoria dois e quatro subidas de categoria três. Isso provavelmente dificultará a manutenção da Camisa Amarela de Goss.

Vejam o vídeo do final da etapa:

A classificação da prova está da seguinte forma:

Terceira Etapa

  • 1. Harley Goss Matthew, HTC – Highroad, in 5:16:41
  • 2. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at s.t.
  • 3. Denis Galimzyanov, Katusha Team, at at 00:00
  • 4. Joaquin Rojas Jose, Movistar Team, at at s.t.
  • 5. Geraint Thomas, Sky Procycling, at at s.t.

Classificação Geral

  • 1. Harley Goss Matthew, HTC – Highroad, in 14:22:34
  • 2. Gendt De Thomas, Vacansoleil-Dcm, at s.t.
  • 3. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at at 00:06
  • 4. Gregory Henderson, Sky Procycling, at at 00:06
  • 5. Galimzyanov Denis, Katusha Team, at at 00:08

Classificação geral por pontos

  • 1. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at 60 points
  • 2. Gregory Henderson, Sky Procycling, at 56 points
  • 3. Harley Goss Matthew, HTC – Highroad, at 55 points
  • 4. Denis Galimzyanov, Katusha Team, at 40 points
  • 5. Romain Feillu, Vacansoleil-Dcm, at 40 points

Classificação geral por equipes

  • 1. Vacansoleil-Dcm, at 43:08:30
  • 2. Liquigas-Cannondale
  • 3. Katusha Team
  • 4. Quick Step Cycling Team
  • 5. Team Leopard-Trek

Melhor Montanhista

  • 1. Jussi Veikkanen, Omega Pharma – Lotto, at 7 points
  • 2. Cyril Gautier, Team Europcar, at 5 points
  • 3. Damien Gaudin, Team Europcar, at 4 points
  • 4. Blel Kadri, Ag2r La Mondiale, at 3 points
  • 5. Cedric Pineau, Fdj, at 2 points

Melhor ciclista jovem

  • 1. Harley Goss Matthew, HTC – Highroad, in 14:22:34
  • 2. Thomas De Gendt, Vacansoleil-Dcm
  • 3. Denis Galimzyanov, Katusha Team, at 00:08
  • 4. Tony Gallopin, Cofidis Le Credit En Ligne, at 00:10
  • 5. Cyril Gautier, Team Europcar, at 00:11

 

Paris-Nice. Em dia de quedas Greg Henderson vence.

Em um dia conturbado, com fortes ventos, percurso nervoso e quedas, a etapa que percorre 199 kms entre Montfort l’Amaury e Amilly foi vencida por Greg Henderson (Sky) em um forte sprint. Em segundo lugar ficou Matthew Goss (HTC – highroad) e em terceiro Denis Galimzyanov (Katusha).

Na queda, Sebastian Haedo que foi atingido pela moto de apoio e De Weert se machucaram de forma mais grave e abandonaram a competição. Haedo machucou o joelho e Weert lesionou o ombro, quadril e joelho. Os dois passam bem.

Na classificação geral, Thomas Gendt continua liderando por 4 segundos.

Amanhã a terceira etapa será entre Cosne-Cours-sur-Loire e Nuits-Saint-Georges, percurso com 241 Kms.

Vejam o vídeo dos quilômetros finais da etapa:

Classificação:

Os cinco primeiros do estágio foram:

  • 1. Gregory Henderson, Sky Procycling, in 5:00:56
  • 2. Harley Goss Matthew, Htc – Highroad, at s.t.
  • 3. Denis Galimzyanov, Katusha Team, at s.t.
  • 4. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at s.t.
  • 5. Peter Sagan, Liquigas-Cannondale, at s.t.

Os dez primeiros da classificação são os seguintes:

  • 1. Thomas De Gendt, Vacansoleil-Dcm, in 9:05:48
  • 2. Gregory Henderson, Sky Procycling, at 00:04
  • 3. Jérémy Roy, Fdj, at 00:07
  • 4. Harley Goss Matthew, Htc – Highroad, at 00:08
  • 5. Tony Gallopin, Cofidis Le Credit En Ligne, at 00:08
  • 6. Heinrich Haussler, Team Garmin – Cervelo, at 00:10
  • 7. Denis Galimzyanov, Katusha Team, at 00:10
  • 8. Jens Voigt, Team Leopard-Trek, at 00:12
  • 9. Romain Feillu, Vacansoleil-Dcm, at 00:13
  • 10. Peter Sagan, Liquigas-Cannondale, at 00:14

 

 

Vídeo da primeira etapa do Paris-Nice

 

Nuvem de tags