Arquivo para a categoria ‘Tour da Califórnia’

Tour da Califórnia – Final: Matt Goss vence a etapa e Chris Horner da RadioSchack é o Campeão

Matt Goss (HTC) vence Peter Sagan (Liquigas) em um sprint muito nervoso, após a etapa de 129,1 km e Horner é o campeão do Amgen Tour da Califórnia de 2011.

A fuga do dia

Logo no início do dia, um quarteto conseguiu se desprender do pelotão, depois de uma séries de tentativas frustradas. Os quatro eram: Jan Barta (Team NetApp), Bradley White (UnitedHealthcare), Michael Friedman (Kelly Benefit Strategies-OptumHealth) e Jose Fernando Antogna (Jamis-Sutter Home).

O melhor colocado entre eles na Classificação Geral era Barta, que estava a 53:27 em 91•. A fuga chegou a abrir 3 minutos de vantagem, mas o pelotão não descuidou da fuga. Faltando 50 km para o final, a diferença tinha caído para 2:30.

Quando chegaram na cidade de Thousand Oaks, 40 km para o final, a fuga abriu a primeira das seis voltas que seriam dadas em um circuito no centro da cidade. O pelotão ainda estava a 2:30 atrás.

O final.

Faltando duas voltas para o final, o pelotão, liderado por HTC e Saxobank, tinha diminuído a vantagem para 0:25. Mas só neutralizou por completo a fuga faltando 5 km para o final.

A HTC como sempre, fez um excelente trabalho na embalada. Comandou boa parte dos últimos kms e conseguiu deixar Matt Goss em condições de vencer o forte sprint contra Peter Sagan (Liquigas) e Greg Handerson (Sky).

Com o pelotão compacto, Chris Horner foi coroado o campeão de 2011 do Tour da Califórnia, 0:38 a frente de Live Leipheimer, seu companheiro de equipe.

Vídeo dos últimos quilômetros


Resultados:

Resultados Etapa:

  • 1. Matthew Goss (Aus), HTC-Columbia, 2:56:39
  • 2. Peter Sagan (Svk), Liquigas-Cannondale, same time
  • 3. Greg Henderson (NZL), Sky, s.t.

Classificação Geral

  • 1. Chris Horner (USA), RadioShack, 23:46:41
  • 2. Levi Leipheimer (USA), RadioShack, at 0:38
  • 3. Tom Danielson (USA), Garmin-Cervélo, at 2:45
Anúncios

Tour da Califórnia – A Final é Hoje! Assistam!

Hoje será realizada a final do Tour da Califórnia. A RadioShack está dominando o Tour com Chris Horner e Levi Leipheimer em primeiro e segundo lugares, respectivamente.

Assistam a partir das 5:30 da tarde. O link está no final do Post! Vai valer a pena!

A etapa

Santa Clarita → Thousand Oaks (128 km)

Uma etapa bastante plana, com somente uma meta de montanha, de categoria 4 e um sprint antes de entrar na cidade onde ocorrerá a chegada. Quando o pelotão entrar em Thousand Oaks, os ciclistas realizarão seis voltas em um circuito no centro da cidade. Cada volta contará com uma meta volante.

Vídeo sobra a etapa.


Classificação Geral

  • 1. Chris Horner (USA), Team RadioShack, 20:50:02
  • 2. Levi Leipheimer (USA), Team RadioShack, at 0:38
  • 3. Tom Danielson (USA), Team Garmin-Cervélo, at 2:45
  • 4. Christian Vande Velde (USA), Team Garmin-Cervélo, at 3:18
  • 5. Tejay Van Garderen (USA), HTC-Highroad, at 3:23

Assista Ao Vivo: 

A partir de 05:30 da tarde!

http://tracker.amgentourofcalifornia.com/

Tour da Califórnia – 7ª Etapa: Dobradinha da Radio Shack!

Em um belíssimo cenário do sul da Califórnia, foi realizada a etapa Rainha do Tour da Califórnia. A equipe RadioShack realizou um trabalho impecável, levando seus dois atletas favoritos ao título, Leipheimer e Horner, para uma dobradinha.

Como foi a corrida?

O sétimo estágio teve 196 km de extensão, uma meta volante no km 74,2, duas metas de montanha de Cat. 3, nos kms 18,5 e 92,2, além de uma chegada no topo da Mt. Baldy, uma montanha classificada como HC.

A etapa começou com um trecho plano de 5,8 km, depois começou a primeira subida do dia, a Glendora Ridge (Cat. 3). Durante a subida, 9 ciclistas de destacaram do pelotão: Talansky; Christopher Froome e Ben Swift (Sky); George Hincapie (BMC); Francesco Bellotti (Liquigas-Cannondale); Grischa Niermann (Rabobank); Alexander Efimkin (Team Type 1-Sanofi Aventis); Patrick McCarty (SpiderTech-C10) e Rob Britton (Bissell). Ben Swift acabou sobrando, mas seu companheiro de equipe Hesjedal, o substituiu na fuga.

A fuga manteve por quase toda a corrida uma vantagem de aproximadamente 2 minutos. McCarty, o líder da camisa de montanha, venceu a primeira meta de montanha, Bellott venceu o sprint do dia e McCarty, novamente, venceu a última meta de montanha do dia e voltou para o pelotão depois disso.

O pelotão então, puxado pela RadioShack, começou a se aproximar da fuga. Com 21 km, a vantagem estava em 1:20, com 16 km a vantagem ficou abaixo de 1:00 e com 13 km para o final, no pé da última subida, estava em 0:45.

A subida do Mt. Baldy

Faltando 10 km para o final, um quarteto da RadioSchack, formado por Busche puxando, McCartney na segunda roda, Leipheimer e Horner, comandava a busca aos escapados.

A fuga começou a se despedaçar, Niermann e Talansky sobraram, depois Hesjedal, Hincapie, Britton e Bellotti. O único sobrevivente foi Efimkin, que seguiu sozinho montanha acima.

Com os RadioSchack`s puxando, pouco a pouco, quem ainda tinha conseguido ficar no pelotão, começou a sobrar. Com 3,5 km para o final, Andy Schleck sobrou. Faltando 2 km para o final, a dupla Chris Horner e Levi Leipheimer deixaram todo mundo pra trás e partiram sozinhos para a vitória. Nos últimos metros Horner fez sinal para que Leipheimer cruzasse a linha de chegada na frente. Os dois chegara praticamente ombro-a-ombro, comemorando a vitória!

Vídeo dos últimos quilômetros


Resultados:

Resultados Etapa:

  • 1. Levi Leipheimer (USA), Team RadioShack, 3:33:03
  • 2. Chris Horner (USA), Team RadioShack, same time
  • 3. Laurens Ten Dam (Ned), Rabobank, at 0:43
  • 4. Thomas Danielson (USA), Team Garmin-Cervélo , at 1:01
  • 5. Steve Morabito (Swi), BMC Racing Team, at 1:21

Classificação Geral

  • 1. Chris Horner (USA), Team RadioShack, 20:50:02
  • 2. Levi Leipheimer (USA), Team RadioShack, at 0:38
  • 3. Tom Danielson (USA), Team Garmin-Cervélo, at 2:45
  • 4. Christian Vande Velde (USA), Team Garmin-Cervélo, at 3:18
  • 5. Tejay Van Garderen (USA), HTC-Highroad, at 3:23

Assista Ao Vivo: 

A partir de 05:00 da tarde!

http://tracker.amgentourofcalifornia.com/

Tour da Califórnia – 6ª Etapa: Dave Zabriskie vence o Contra-Relógio Individual

Em um dia claro de primavera, Dave Zabriskie (Garmin-Cervêlo) venceu o Contra-Relógio individual e bateu o record do percurso. O circuito tinha 20 km de extensão, sendo que um pouco mais da metade dele subindo e depois descendo até a chegada. Levi Leipheimer (Radioshack) e Tejay Van Garderen (HTC-Highroad) completaram o pódium.

Andy Schleck decepcionou bastante 38•: + 2:15.

Vídeo dos últimos quilômetros


Resultados:

Resultados Etapa:

  • 1. David Zabriskie (USA/Garmin) in 30:36
  • 2. Levi Leipheimer (USA) at 14
  • 3. Tejay Van Garderen (USA) 40
  • 4. Peter Velits (SVK) 48
  • 5. Maarten Tjallingii (NED) 49

Classificação Geral

  • 1. Christopher Horner (USA/RadioShack) in 17hr 17:01
  • 2. Levi Leipheimer (USA) at 38
  • 3. Rory Sutherland (AUS) 01:38
  • 4. Christian Vandevelde (USA) 01:39
  • 5. Thomas Danielson (USA) 01:44

Assista Ao Vivo: 

Amanhã a partir de 05:00 da tarde!

http://tracker.amgentourofcalifornia.com/

Tour da Califórnia: Peter Sagan, de 21 anos, vence sprint depois de uma longa e escaldante etapa.

Em uma dia exaustivo, com 217 quilômetros a serem percorridos, mais de 3.000 metros de ganho de elevação pela frente e um sol escaldante na cabeça. O jovem Peter Sagan (Liquigas), que tem apenas 21 anos, venceu o sprint sobre Leigh Howard(HTC) e Ben Swift (Sky).

O desenrolar da prova

Muitos ataques logo no começo e na primeira meta de montanha do dia, a Laurels Grade, uma fuga de quatro ciclistas se formou: Oscar Freire (Rabobank), Christopher Froome (Sky), Daniel Martin (Garmin-Cervélo) e Chris Baldwin (Bissell).

Com 29 km, a fuga cresceu, Martin Velits (HTC-Highroad), Stefan Denifl (Leopard-Trek), Maarten Tjallingii (Rabobank), Jeff Louder (BMC), Brad White (UnitedHealthcare), McCarty e Jesse Anthony (Kelly Benefit) saltaram do pelotão, formando um grupo de 11 escapados.

Com 100 km de prova, uma forte queda ocorreu, derrubando um grande número de ciclistas, entre eles estavam Alex Dowsett (Sky); Gustav Larsson e Sebastian Haedo (Saxo Bank-Sungard); Ben Jacques-Maynes (Bissell); Alejandro Borrajo (Jamis-Sutter Home); Luca Damiani e Jacob Rytlewski (Kenda-5-Hour Energy). Dowsett quebrou a clavicula e abandonou a prova

Thor Hushovd também abandonou a prova. Ele declarou em seu site que não vinha se sentindo bem a alguns dias e que não iria continuar.

O pelotão não conseguia chegar

Comandado pela RadioShack, o grupo vinha em busca da fuga. Com 64 km, a vantagem da fuga era de 2:00. Com 40 km a diferença só tinha caído para 1:45.

Na última meta de montanha, McCarty, Freire e Denifl atacaram a fuga e formaram um novo grupo de escapado. Após o ataque, faltando 33 km para o final, a vantagem voltou a aumentar para 2:00 sobre o pelotão. Quando passaram pela meta, McCarty, vencedor da meta, acumulou os pontos necessários para segurar sua camisa e voltou para o pelotão. Freire e Denifl seguiram firmes.

Faltando 15 km para o final, a dupla ainda mantinha 2:00 minutos de vantagem, mas para o azar dos escapados, Denifl furou o pneu. Freire se viu sozinho com 15 km pela frente, sem ninguém pra revezar.

Não teve jeito, o pelotão chegou e foi para a chegada

Faltando 2,5 km para o final, Oscar Freire finalmente foi pego. Foi uma batalha e tanto, em alguns momentos, a impressão era que Freire chegaria escapado, mas uma série de subidas curtas nos últimos 10 km acabaram de esgotar as forças de Freire.

Com a fuga neutralizada, a chegada estava armada. Hincapie, atacou tentando se deslocar do pelotão, mas não foi a lugar nenhum. Logo em seguida, Vennel também tentou a sorte, conseguiu abrir uma vantagem boa, mas também não deu.

No sprint, Leigh Howard (HTC) foi o primeiro a partir, mas partiu de muito longe. Swift foi em sua roda e não conseguiu ultrapassa-lo. Peter Sagan que veio por fora, passou os dois ciclistas pela direita e venceu a etapa.

Vídeo dos últimos quilômetros


Resultados:

Resultados Etapa:

  • 1. Peter Sagan (Slo), Liquigas-Cannondale, 5:16:03
  • 2. Leigh Howard (Aus), HTC-Highroad
  • 3. Ben Swift (GB), Sky
  • 4. Paul Martens (Ger), Rabobank
  • 5. Alex Candelario (USA), Kelly Benefit Strategy-OptumHealth

Classificação Geral

  • 1. Chris Horner (RadioShack)
  • 2. Levi Leipheimer (RadioShack) at 1:15
  • 3. Tom Danielson (Garmin-Cervelo) at 1:22
  • 4. Christian Vande Velde (Garmin-Cervelo) at 1:29
  • 5. Rory Sutherland (UnitedHealthcare) at 1:30

6ª Etapa: Contra-Relógio individual

Vejam o vídeo da 6ª etapa!


Altimetria

Assista Ao Vivo: 

Amanhã a partir de 05:00 da tarde!

http://tracker.amgentourofcalifornia.com/

Tour da Califórnia: Chris Horner vence etapa duríssima e é o novo líder

A 4ª Etapa do Tour da Califórnia passou por montanhas dignas de Giro d’Itália. O percurso de 131 km tinha três subidas de categoria 4 uma HC e uma chegada no final de uma subida de categoria 1.

Cris Horner (RadioShack), escalou brilhantemente a última montanha, a Sierra Road, abrindo 1:15 de vantagem sobre seus adversários.

A fuga do dia

Um grupo de dez ciclistas abriu uma fuga nos 20 primeiros km de prova. A fuga chegou a abrir uma vantagem de 4 minutos sobre o pelotão. Dentre os dez estava o campeão mundial Thor Hushovd, provavelmente o sprinter queria abrir uma vantagem sobre o grupo, para evitar de perder muito tempo em relação ao pelotão durante as fortes subidas do dia.

Junto com Hushovd estavam: Martin Pedersen (Leopard-Trek), Lars Boom (Rabobank), Rubens Bertogliati (Team Type 1-sanofi aventis), Will Routley (Spidertech), Ben Jacques-Maynes (Bissell), Jeremy Vennell (Bissell), Alastair Loutit (Jelly Belly p/b Kenda), Jesse Anthony (Kelly Benefit Strategies-OptumHealth) e James Stemper (Kenda/5-hour Energy).

A fuga conseguiu acumular alguns pontos de montanha, mas no começo do Mount Hamilton, o HC do dia, a RadioShack que vinha comandando o pelotão, rapidamente buscou os escapados, Jacques-Maynes e Vennell foram ou últimos a serem pegos.

O Mount Hamilton

A penúltima subida do dia era o Mt. Hamilton, uma subida de 7km, com 8,4% de inclinação média e 1259 de ganho de altitude. A RadioShack fez um trabalho incrível na subida, imprimiu um forte ritmo e dispensou grande parte do pelotão. Mas o ritmo não foi suficiente para deixar os líderes da Classificação Geral para trás, tirando Ben Swift e Greg Handerson da Sky, que são sprinters e logo sobrabram.

Vídeo do Final da Subida do Mt Hamilton

A descida

Assim que a RadioShack trouxe o pelotão para o alto do Mt. Hamilton, Ryder Hesjedal (Garmin-Cervêlo) atacou e Paul Martens (Rabobank) foi junto com ele. Hesjedal, que é Ex-Mountain Biker, deu uma aula sobre como descer montanhas. Em uma descida extremamente técnica e longa, com mais de 30 km de curvas fechadas, o ciclista da Garmin abriu 1:00 de vantagem, isso porque ele diminuiu o ritmo para esperar Martens, que passou reto em uma curva, mas logo voltou para a estrada.

A chegada na Sierra Road

Os dois escapados chegaram ao pé da última subida do dia, com 5,6 km, 9,4% de inclinação média e máxima de 15%. Uma parede! Eles estavam a 50 segundos de vantagem sobre o pelotão. Logo nos primeiros metros da subida, Paul Martens ficou para trás e Ryder Hesjedal seguiu sozinho.

A Radio Schack continuou comandano o pelotão, Chris Horner e Levi Leipheimer, capitão da RadioSchack, logo se destacaram do pelotão. Faltando um pouco mais de 3,5 km, os dois chegaram em Hesjedal. Foi quando a surpresa do dia aconteceu. Todos esperavam que Leipheimer iria partir para a vitória, mas isso não aconteceu. Cris Horner começou uma aceleração e os outros dois não conseguiram acompanhar. Horner seguiu montanha acima em um ritmo muito forte, ele abriu 1:15 sobre o segundo grupo no final do percurso e é o novo líder da prova.

A dupla Hesjedal e Leipheimer foi pega por um grupo formado por: Andy Schleck (Leopard-Trek), Tom Danielson (Garmin-Cervêlo) e Rory Sutherland (UnitedHealthcare), que se mostrou um excelente ciclista conseguindo acompanhar o forte ritmo da subida. Schleck venceu a disputa do segundo lugar.

Vídeo dos últimos quilômetros


Resultados:

Resultados Etapa:

  • 1 Chris Horner (RadioShack) in 3:27:51
  • 2 Andy Schleck (Leopard-Trek) at 0:01:15
  • 3 Rory Sutherland (UnitedHealthcare)
  • 4 Levi Leipheimer (RadioShack)
  • 5 Thomas Danielson (Garmin-Cervelo)

Classificação Geral

  • 1. Chris Horner (RadioShack)
  • 2. Levi Leipheimer (RadioShack) at 1:15
  • 3. Tom Danielson (Garmin-Cervelo) at 1:22
  • 4. Christian Vande Velde (Garmin-Cervelo) at 1:29
  • 5. Rory Sutherland (UnitedHealthcare) at 1:30

5ª Etapa: Seaside → Paso Robles (217 km) – Média montanha

Vejam o vídeo da 5ª etapa!


Altimetria


Assista Ao Vivo: 

Amanhã a partir de 05:00 da tarde!

http://tracker.amgentourofcalifornia.com/

Tour da Califórnia: Em dia de ventania e confusão na chegada a Sky vence mais uma!

Em um dia com tempo fechado, muito vento e frio, a Sky faturou sua segunda vitória seguida no Tour da Califórnia. Greg Henderson venceu o sprint em uma chegada bem conturbada!

O fato interessante é que Ben Swift e Greg Henderson, ambos da Sky, estão empatados na Classificação Geral, mas como Harderson venceu a última etapa, ele largará de dourado na 4ª etapa.

A fuga do dia

Logo no inicio da etapa, uma fuga com 7 ciclistas se formou: Jamey Driscoll (Jamis-Sutter Home), Andy Jacques-Maynes (Bissell), Christian Meier (UnitedHealthcare), Jan Barta (NetApp), William Dickeson (Jelly Belly), Phil Gaimon (Kenda-5-Hour Energy) e Michael Creed (Kelly).

Jamey Driscoll, que na segunda etapa foi eleito o atleta mais combativo do dia, também se juntos na fuga da terceira etapa. O cara é forte!

Os 7 escapados fizeram muita força, durante todo o trajeto os ciclistas foram castigados por ventos cruzados muito fortes. Mas mesmo assim a fuga conseguiu abrir 6 minutos de vantagem sobre o pelotão. Phil Gaimon acabou sobrando e o sexteto seguiu forte a frente do pelotão.

O percurso tinha três metas volantes, Jan Barta ganhou todas elas. No sprint para vencer a última meta, Jacques-Maynes e Barta abriram vantagem sobre os outros quatro escapados e formaram uma nova fuga. A dupla foi pega pelo pelotão faltando 20km para o final da etapa.

O vento cruzado e o pelotão espatifado

Com 30 km para o final da prova, o pelotão se aproximava da fuga e um vento cruzado muito forte soprava do lado esquerdo da estrada. A Sky assumiu a ponta do pelotão e sentou a lenha! Uma fila de atletas se formou atrás do grupo principal, lutando para se manter no grupo.

Acabou que o pelotão partiu e no grupo de trás ficaram alguns grandes noves, como Andy Schleck (Leopard-Trek) e Thor Hushovd (Garmin-Cervêlo). Mas por sorte, quando o pelotão se aproximou de Modesto, cidade onde seria o final da etapa, o vento mudou e os sobrados conseguiram chegar no grupo principal.

A chegada conturbada

No final da etapa, os ciclistas passariam por um circuito no centro da cidade de Modesto, no qual o pelotão daria duas voltas. Logo no começo da primeira volta, a equipe Spidertech assumiu a ponta do pelotão e imprimiu um forte ritmo. Uma forte queda ocorreu na primeira volta, um ciclista da UnitedHealthcare e Jens Voigt (Leopard-Trek) caíram no meio do pelotão.

Faltando 4,5km a Spidertech que tentava levar Kevin Lacombe para o sprint, não conseguiu manter o controle da embalada. A Sky e a Saxo Bank assumiram o pelotão. No último quilômetro, Baden Cooke (Saxo Bank) and Michael Matthews (Rabobank) caíram e causaram uma confusão no pelotão.

No meio da bagunça, o sprinter da Sky Ben Swift perdeu a roda de seu último embalador Greg Henderson, que então fez um longo sprint para a chegada. A arrancada forte de Henderson surpreendeu seus adversários, que não conseguiram mais alcançá-lo.

Vídeo dos últimos quilômetros


Resultados:

Resultados Etapa:

  • 1 Greg Henderson (NZl) Sky Procycling 5:14:29
  • 2 Juan José Haedo (Arg) Saxo Bank Sungard
  • 3 Thor Hushovd (Nor) Team Garmin-Cervelo
  • 4 Peter Sagan (Svk) Liquigas-Cannondale
  • 5 Leigh Howard (Aus) HTC-Highroad
  • 6 Kevin Lacombe (Can) Team Spidertech Powered By C10
  • 7 Robert Förster (Ger) UnitedHealthcare Pro Cycling
  • 8 Taylor Phinney (USA) BMC Racing Team
  • 9 Jure Kocjan (Slo) Team Type 1 – Sanofi Aventis
  • 10 Alexander Candelario (USA) Kelly Benefit Strategies

Classificação Geral

  • 1 Greg Henderson (Sky) 8:01:31
  • 2 Ben Swift (Sky)
  • 3 Peter Sagan (Liquigas-Cannondale) + 0:04
  • 4 Juan José Haedo (Saxo Bank-SunGard)
  • 5 Thor Hushovd (Garmin-Cervélo) + 0:06
  • 6 Matthew Goss (HTC-Highroad)
  • 7 Kevin Lacombe (Spidertech) + 0:10
  • 8 Taylor Phinney (BMC)
  • 9 Robert Forster (Unitedhealthcare)
  • 10 Alex Candelario (Kelly Benefit)

3ª Etapa: Livermore → San Jose (131 km) – Montanha

Vejam o vídeo da etapa de amanhã!


Altimetria


Assista Ao Vivo: 

Amanhã a partir de 05:00 da tarde!

http://tracker.amgentourofcalifornia.com/

Nuvem de tags