Os vídeos a seguir foram feitos pelo Conexão Repórter, programa do SBT, que fez um programa detalhado mostrando a luta por justiça e segurança, que ciclistas e pedestres enfrentam todos os dias nas ruas das cidade brasileiras. No programa são mostrados diversos casos de atropelamentos, mortes e irresponsabilidades que destroem vidas e famílias todos os dias por todo o país.

Um dos casos mostrados foi o atropelamento de 17 ciclistas em Porto Alegre no começo do ano. Uma entrevista extensa com Ricardo Neis, o maluco psicopata que atropelou os ciclistas, mostra que ele não está arrependido do que fez…. É inacreditável. Infelizmente, muitas pessoas ainda vão ter que morrer antes de que alguma coisa mude de fato. Isso é extremamente triste, mas é a mais pura realidade.

Infelizmente, nas ruas, ciclistas e pedestres são vistos como obstáculos ao trânsito e não como serem humanos, que possuem parentes, filhos, pais, mães, amigos e etc. São mortos nas ruas por motoristas apressados que tem certeza de que seu compromisso é muito mais importante do que a vida de qualquer um na rua.

A minha pergunta para os motoristas é a seguinte:

QUEM VOCÊS PENSAM QUE SÃO? PARA TER A OUSADIA DE ACHAR QUE SEGUNDOS DO SEU TEMPO SÃO MAIS IMPORTANTES DO QUE A VIDA DAS PESSOAS? VOCÊS REALMENTE SE ACHAM TÃO IMPORTANTES ASSIM?

As pessoas passam por cima das outras, matam, destroem vidas e a única preocupação que passa na cabeça dessas pessoas é se elas vão perder a carteira, ou receber uma multa. ESSE TIPO DE GENTE TINHA QUE FICAR O RESTO DA VIDA NA CADEIA! 

Vejam os vídeos e tirem as conclusões de vocês

Vídeos

Anúncios

Comentários em: "Mortes e Impunidade no Trânsito. A luta por segurança e justiça!" (1)

  1. Estudamos jornalismo na mesma universidade, eu e o Cabrini. Quanto ao acontecido em Porto Alegre não me surpreendeu, pois assim que vim morar aqui – e continuei a usar a bike como modal de transporte, fui também atropelada, não fui socorrida pelo atropelador (um coletivo), e nem socorrida pela SAMU. Meu atropelamento ficou impune, e isso foi em 2001.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: