Em uma etapa emocionante até o último metro, John Gadret tirou da cartola um ataque nos últimos 700 metros, ultrapassou a fuga e venceu a chegada em uma subida de 10% de inclinação.

O líder Alberto Contador, que apesar de ter declarado, não fazer questão de segurar a Camisa Rosa, pareceu bastante preocupado em se manter a frente do grupo.

Uma verdadeira montanha russa!

A etapa de hoje tinha o terreno inacreditavelmente irregular, no total eram 14 subidas, sendo que quatro delas eram categorizadas e a chegada em subida. As subidas categorizadas tinhas as seguintes características.

  • A Cat. 4 Monte-Ripaberarda com 13,7km de subida terminava no km 48,9, com média de 3 %, atingindo 12% em alguns pontos;
  • A Cat. 4 Monte Vidon Combatte, com 2,6km de subida no km 73, com média de 8,6%, atingindo 13% em alguns pontos;
  • A Cat. 4 Rapagnano, 5,1km de subida, no km 91, com média de 8 %, com máximo de 10%;
  • The Cat. 4: Morrovalle,  4,2km de subida, no km 115,9, com média de 4 %, com máximo de 12%.

A fuga demorou a sair

Com tanto sobe e desce todas as apostas estavam nas fugas, porém o pelotão estava sempre respondendo aos ataques e a fuga só se formou com 60 km. O interessante é que na fuga estava Christophe Le Mevel (Garmin-Cervêlo), que era o terceiro na Classificação Geral, mesmo assim o pelotão deixou a fuga sair.

Junto com Le Mevel estavam 10 atletas: Carlos Betancourt and Fabio Taborre (Acqua & Sapone), Simoni Stortoni (Colnago), Daniel Moreno (Katusha), Marco Marzano (Lampre), Valerio Agnoli (Liquigas), Ignatas Konovalovas (Movistar), Steven Kruijswijk (Rabobank), Tiago Machado (RadioShack) e Lars Nordhaug (Sky).

Alberto Contador manteve sua palavra de que não lutaria pela Camisa Rosa nesse momento. Enquanto o pelotão mantinha a fuga dentro da casa dos 2 minutos de vantagem, não era a Saxo Bank que puxava o grupo. Com 45 km para o final, a Astana, que não tinha ninguém na fuga, foi para a frente do pelote.

Com 25 km para o final e o pelotão se aproximando, Daniel Moreno atacou a fuga e partiu sozinho. Com 15 km moreno ainda estava na frente, mas a diferença não era muita, ele estava 20 segundos a frente do grupo perseguidor e 1:20 a frente do pelotão. Konovalovas (MovieStar) atacou forte e deixou o grupo perseguidor para trás, se juntando com Moreno faltando 9,6 km para o final. Os dois começaram a trabalhar juntos para tentar chegar escapados.

Foi por muuuuuito pouco!

Com três quilômetros para o final, o pelotão estava a 40 segundos da fuga e se aproximando rápido, com a Lampre no comando, com 2 km a vantagem era de 34 segundos e com 1 km tinha caído para 12 segundos.

Faltando 700 metros, Gadret saltou do pelotão, ele conseguiu alcançar Moreno faltando 300 metros para a linha de chegada, Moreno foi rapidamente engolido pelo pelotão e Gadret conseguiu manter sua vantagem sobre o grupo que vinha voando atrás dele e cruzou a linha de chegada em primeiro. Joaquim Rodriguez foi o que mais se aproximou, sprintou no pelotão e chegou logo atrás do ganhador.

Alberto Contador ainda tirou um quinto lugar na etapa!

Nota

John Gadret dedicou sua vitória para Wouter Weylandt, ciclista que faleceu semana passada durante o Giro e teve seu funeral realizado hoje. “Desde sua morte não paro de pensar no que aconteceu, queria ter alguma forma de homenageá-lo, estou muito feliz por ter conseguido.” Declarou Gadret.

Vídeo dos últimos quilômetros

Resultados:

Classificação da Etapa

  • 1. John Gadret (FRA), Ag2r La Mondiale , 3:33:11
  • 2. Joaquin Rodriguez Oliver (ESP), Team Katusha , s.t.
  • 3. Giovanni Visconti (ITA), Farnese Vini-Neri Sottoli, s.t.
  • 4. Jose Rodolfo Serpa Perez (COL), Androni Giocattoli, s.t.
  • 5. Alberto Contador Velasco (ESP), SaxoBank-Sungard, s.t.

Classificação Geral

  • 1. Alberto Contador Velasco (Spain), SaxoBank-Sungard , 40:37:51
  • 2. Kanstantsin Sivtsov (Belarus), HTC-Highroad, at 0:59
  • 3. Vincenzo Nibali (Italy), Liquigas-Doimo, at 1:21
  • 4. Christophe Le Mevel (France), Garmin-Cervelo, at 1:28
  • 5. Michele Scarponi (Italy), Lampre-ISD, at 1:28

12ª Etapa: Castelfidardo → Ravenna – Amanhã é dia de Sprint!

A última visita do Giro ao litoral, será uma bela etapa plana de 184 km, com vista para o mar adriático. O sprint provavelmente será bem confuso, uma vez que terão muitas curvas de 90 graus e rotatórias nos últimos 3 km.

Vamos ver o que Mark Cavendish (HTC – Highroad), Alessandro Petacchi (Lampre) e Francisco Ventoso (MovieStar)

Altimetria

Assista Ao Vivo: 

Amanhã a partir de 07:15 da manhã!

http://videochat.gazzetta.it/index_giro.shtml

http://www.rai.tv/dl/RaiTV/

http://www.fromsportcom.com/v-2/6/20/v-262001.html

cyclingfans.com

Outras Etapas

Para ver informações sobre as outras etapas do Giro leia as matérias: Giro Etapas 1 a 7, Giro Etapas 8 a 14, Giro Etapas 15 a 21.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: